domingo, fevereiro 04, 2007

Jamie Oliver & Nigella Lawson







Mais uma vez, eu venho pedir uma ajuda aos queridos amigos e amigas que sempre passam por aqui: alguém poderia fazer a gentileza de me explicar por que estes dois aqui em cima fazem tanto sucesso? Eu juro que ainda não entendi...

Está certo que só assisti a dois ou três programas de cada um deles, mas não vi absolutamente *nada* que justificasse tanto auê! Não há como negar que são duas pessoas muito bonitas, desenvoltas frente às câmeras e que devem ter empresários e produtores super competentes. Mas só isso não transforma os dois em grandes chefs de cozinha, IMHO.

Em um programa, Jamie preparou "fish and chips" para alguns amigos americanos. Tudo que ele fez foi empanar grosseiramente alguns peixes inteiros e enfiá-los dentro de uma fritadeira JUNTO com as batatas. O resultado foi uma gororoba encharcada que dava até medo de comer! E em dois programas da Nigella que vi, ela fez misturas esdrúxulas e sem qualquer apelo visual, enquanto lambia os dedos sem parar...

Eu estou disposta a mudar de opinião a respeito dos dois, porque é provável que eles tenham muito mais a oferecer do que eu tive a chance de assistir, e é por isso que estou pedindo a opinião de vocês. Afinal, estou "órfã" de programas de culinária há muitos anos. Jeff Smith, meu "chef de TV" favorito já não está mais entre nós. Fazendo piadas e falando pelos cotovelos, Smith dava aulas incríveis de culinária e cultura gastronômica em seu programa "Frugal Gourmet", que passava no canal GNT. Talvez vocês o reconheçam pela capa de um de seus livros.

Ah, e eu também adoraria receber dicas de programas de culinária que estão atualmente no ar. Desde já, obrigadinha! ;o)

55 comentários:

Lele disse...

Oi Cinara, vejo seu brrrrrog todos os dias. Adoro! O visual do meu brrrog é by Kelly (www.blogshit.blogspot.com)
Beijão e volte sempre!

Cinara disse...

Obrigada, Lele! Pode deixar que voltarei sempre a seu blog, também! Depois vou olhar o blog da Kelly! Bjs...

Cris disse...

Eu também quero as dicas, já que ultimamente não tenho tido tempo de ver TV. Infelizmente a Nigella só conheço de ouvir falar... não tenho GNT e nem fotos das receitas ela coloca no site :-). E o Jamie ainda não formei uma opinião a respeito. Sou fã mesmo é da Martha Stewart. Bjs

Renata disse...

Oi, Cinara!
É verdade, linkei o seu blog na minha página recém-criada porque gosto muito daqui, venho praticamente todos os dias (com menos freqüência nos fins de semana) =).
Sobre o Oliver e a Nigella, sou suspeita para falar, porque adoro o primeiro. No caso dele, acho que faz sucesso porque, além da estampa moderna e descontraída, passa a idéia de que cozinhar posse ser simples, prático e rápido. Isso em uma época em que muita gente passou a se interessar por culinária.
A Nigella não é chef não, é cozinheira, não gosto muito dela porque acho que prepara pratos bonitos e que me parecem saborosos, mas não são nem um pouco saudáveis. Assisti a um programa dela uma vez em que ela preparava rabanadas para o café da manhã dos filhos e servia com ketchup. Eca, eca, eca!!!
Obrigada pelo comentário no meu blog. Bjs.

Akemi disse...

Infelizmente nunca vi nenhum programa dos dois para formar uma opinião, mas gostaria muito de saber o que o pessoal daí gosta de assistir em termos de programa culinário! Vou ficar de olho nos comentários! Bjs

Regina disse...

Cinara, não conheço a Nigella pois na TVA não passa GNT e o Jaime vi qdo ainda passava os programas dele na P&A e agora mudou tbém para GNT. Eu gostei do pouco que vi e inclusive tenho um livro dele. É uma cozinha descontraída e prática, eu gosto, meu marido adora. Agora dizem que por trás desse visual todo descolado o Jaime é um arrogante e não trata muito bem seus funcionários...não sei se é verdade... bjs

Karinara disse...

Oi Cinara, descobri seu blog a pouco tempo, mas sou super fã.
Nossa, como eu gostava do Jeff Smith! Me lembro bem das receitas e de como o programa era gosotoso de ver.
Sobre Jamie e Nigela, acho que o sucesso dos dois está na despretensão em serem programas somente para "gourmets". Claro que tem uma super produção em volta disso tudo... mas eles também seu mérito.
Parabéns pelo Blog, Karinara

Eliana Scaramal disse...

mknCinara eu assisto o programa dos dois, mas devo dizer que a Nigella me causa arrepios com aquele cabelo solto sempre sobre as panelas e pratos, o ato de comer com a boca aberta e estar sempre com os dedos na boca, ecaaa!!! O Jaime vejo por ver, mas não acho que ele seja tudo isso não. :) Agora adoro a Martha Stewart não perco um programa.

Anônimo disse...

Olá Cinara . Novamente venho dizer que curto seu blog e a família adora, visto que se deliciam com o produto de suas receitas.
Quanto a Nigela,não tive oportunidade de assistir Mas em relação ao Oliver, assisti quando fez um sanduiche e fritas, até então nada de novo até ele servir á moda inglesa: no jornal.
Me deu muito nojo....Que
porquice!!!!
MCélia
bjs

Márcia disse...

Bem, nadando ao contrário da galera, eu gosto de ambos.
Realmente a Nigella é meio sujinha, tanto que a chamam de Nojella, mas algumas coisas que ela apresenta são, sim, aparentemente gostosas. O quesito gordura é pauleira, mas para dias sem essa preocupação, dá pra encarar as receitas tranquilo. O Oliver eu gosto ainda mais, pq as receitas em regra são simples, e sem muito estresse no preparo. Creio que eles têm em comum o fato de apresentarem comidas que para serem preparadas não se precisa ser um grande chef; qualquer um de nós conseguiria, e daí vem o sucesso de ambos.
Eliana, onde vc assiste Martha Stewart no Brasil???
Sim, eu tb gosto do Mesa pra dois, que passava no GNT, com a Flávia Quaresma e o Atala, mas que acho não passa mais, e amo de paixão o Menu Confiança, tb do GNT, que passa nas segundas, às 22h, salvo engano (aqui não temos horário de verão, então é umas 21h). É o do Claude e Renato, com harmonização de comida e vinho. Para mim, é o melhor!
Beijos, querida, e desculpe a redação!!!

fezoca disse...

Ci, eu nao vejo a Nigella ha muitos anos, nao passa mais aqui. Mas ela foi inovadora, de uma certa maneira. Ja o Jamie eu vi UM episodio ai no Brasil, porque aqui nunca tinha visto. Achei normal, nada demais. Eu pewguei um enjoo do Food Network. Nao te recomendaria nada. O que eu realmente recomendo sao os blogs! Ah, qta coisa boa! :-) beijao,

Cinara disse...

Cris, meu problema também tem sido a falta de tempo! Eu também gosto da Martha Stewart, mas confesso que fiquei implicada com ela depois que ela foi presa por sonegação... Bom, apesar de bandida, ela dá boas dicas! Please, me diga onde está passando o programa dela!

Renata, fico feliz que você goste do meu blog! Quanto ao Jamie, eu não devo ter tido sorte nos programas dele que assisti. E dizem mesmo que a Nigella gosta de pratos calóricos. Mas concordo com você: rabanada com ketchup é o fim da picada! ;o)

Akemi, infelizmente, estamos com poucas opções de programas de culinária aqui no Brasil, amiga... Estou torcendo para alguém me falar de algum que eu não conheça! ;o)

, eu não ouvi falar dessa personalidade arrogante do Jamie nos bastidores, mas é verdade que os livros dele são muito bem cotados... Vou tentar folhear um deles em breve!

Karinara, é ótimo conhecer mais alguém que gostava do Jeff Smith, porque acho que o programa dele não chegou a fazer muito sucesso por aqui, o que é uma pena... Obrigada pelos elogios e pelos comentários! ;o)

Eliana, é verdade, tem ainda o problema do cabelo solto! Acho que ela quer mostrar que é espontânea... :oD Como eu disse para a Cris, não sei onde está passando Martha Stewart, acredita? Quero dar uma espiadinha...

M.Celia, servir comida em jornal é uma porquice MESMO! Como será que a produção do programa deixou ele fazer isso? Porque é algo que certamente vai desagradar mais gente do que agradar, certo? Vai entender... Obrigada pelos elogios, e volte sempre!

Márcia, achei "Nojella" muito engraçado! :oD E não precisa se desculpar por ter escrito muito, era isso mesmo que eu queria! Adorei você ter dado a sua opinião, e também as suas dicas de programas. Vou tentar conferir alguns o mais breve possível! Obrigada!

Fer, você jura que não está passando nada que se aproveite no Food Network? Pensei que fosse bom... No ano passado, quando estive nos EUA, mal consegui assistir. Acho interessante o conceito de um canal voltado para a gastronomia! Mas você tem razão: com tantos blogs delicioso, não precisamos de mais nada! ;o)

Um beijo enorme a todas!

Eliana Scaramal disse...

Cinara eu vejo a Martha no canal 95 da net.
Bjim

lunalestrie disse...

Cinara, nunca vi um programa da Nigella (mas já fiz um sorvete dela muito bom), só do Oliver, quando passava no People&Arts. Eu sempre assistia e achava divertido, concordo com a Márcia quando diz que o sucesso vem do fato de fazer a quem está assistindo se sentir capaz de realizar a receita, diferente de algumas coisas que você vê os chefs fazendo, acha lindo, mas sabe que nunca vai poder realizar.
No entanto eu comprei o primeiro livro dele lançado aqui e não gostei muito, achei o contrário das receitas do programa, receitas bem mais complicadas, ainda não me arrisquei em nenhuma.
Mas sabe, adoro ver pessoas preparando coisas na TV, então sou pouco crítica a respeito. Lembro de assistir a muitos antigamente que não passam mais no P&A, como o Two Fat Ladies e outros, mas hoje em dia na minha tv não há nenhum canal com esse tipo de show. No entanto, de maneira geral, acho que sempre se aprende alguma coisa com esses programas, sempre é válido, dando os devidos descontos. :) Beijos!

Faby disse...

Bom, eu gosto do Oliver e detesto a Nojella (kakakakaka). Dele eu gosto do modo como cozinha, exatamente como eu... sem mise en place nenhum, colocando coisas aos punhados e sem medidas. Talvez vc tenha dado azar (ninguém acerta o tempo todo vai) mas ele faz pratos muito bacanas e despojados e tudo sem aquela cara de chef, que eu particularmento não curto.
Já a Nigella ou Nojella é exatamente isso: um nojo! Odeio a comida dela, o sotaque dela e dedão dela na comida. Fora que cada prato dela tem, no mínimo, 7540 calorias. Pééééssimo.
Marta Stewart eu tb não gosto...rs.
Aliás, bote aí na minha hate list - Alex Atala, Flávia Quaresma, Palmirinha, Anonymous, Subijana e todas aquelas de programas femininos que preparam receitas com as coisas todas cortadinhas, picadinhas e dispostas em potinhos. Boring.

Beijuca!

Cinara disse...

Eliana, super obrigada! ;o)

Lu, obrigada pela sua opinião, amiga! Eu também acho que a gente sempre pode aprender alguma coisa nos programas de culinária, mas acho que fiquei mal acostumada com o Jeff Smith. Com ele, a gente aprendia *muito*! Além da receita, ele falava da História e da cultura por trás do prato, era super interessante! E tinha mais alguns programas excelentes no extinto canal "The Superstation". Acho que agora fiquei nostálgica... :o) Beijão!

Faby, entendi seu ponto de vista sobre o Jamie, e tentarei vê-lo com outros olhos. Já a coitada da Nojella não foi defendida por quase ninguém... Depois vou me aprofundar na sua "hate list", mas já entendi que você gosta de viver fortes emoções na cozinha, certo? Nada de deixar tudo separadinho e pronto para usar! Se o resultado é bom, tá valendo, cada um com seu estilo... ;o) Beijinhos!

valentina disse...

Ci, nao saberia te dizer o apelo deles no Brasil. Modismo talvez. Mas no Reino Unido O Jamie Oliver foi um marco. Ele abriu a cozinha, a possibilidade de cozinhar, para o cidad~ao comum. Seus programas tem um ar casual, ele cozinha para os amigos, para a namorada..ele faz o britanico comum ver que voce nao precisa ser chefe.You can knock something up and have a lovely meal. The way I see it vc tem que olhar para uma nacao em que as pessoas tinham perdido muito a tradicao culinaria .E te digo que ele realmente re-introduziu ou mesmo introduziu a paixao culinaria. O Jamie comecou a fazer programas aqui muito jovem.A Nigela tambem vem sem pretencoes no sentido em que nao e chefe,mas uma mae de familia. E e tambem uma mulher muito posh. Ela e elite no sentido cultural. O seu appeal? Variedade, receitas que funcionam sem ter que ser cordon bleu. Confesso que nunca a vi fazendo nada terrivel. E virou um simbolo sexy porque neste pais aqui quando se fala em boa cozinha se tem obcecao (esqueci como se soletra - perdao) com sex appeal. Agora, para nos brasileiros que temos uma relacao totalmente diferente com a comida, acho que o apelo deles talvez seja a novidade, o modismo. Um que para mim este sim e poderoso e o Gordon Ramsey. Ai Ci, escrevi demais. perdao.

Márcia disse...

Pois é, Cinara, ainda tem o ramsey, que apresenta o Hell´s Kitchen no GNT.
Nunca vi um programa em que ele cozinhasse mesmo, mas ese, que busca um novo chef, é bem legal.
Só não gosto muito pq ele é grooosso até dizer chega, mas mesmo assim ta valendo...
Beijão!

Cinara disse...

Valentina, adorei sua explicação do ponto de vista do Reino Unido! Se o Jamie inovou o modo de cozinhar dessa maneira, realmente ele tem mérito. Pelo jeito, ele fez uma revolução positiva na maneira britânica de encarar a cozinha! E entendi o que você quis dizer sobre a Nigella, que deve aliar simplicidade à sensualidade. Uma combinação de sucesso, sem dúvida. Já sobre o Ramsey não posso opinar, pois ainda não o vi na TV. Só sei que ele é um dos três chefs do Reino Unido cujos restaurantes receberam três estrelas do guia Michelin, o que é considerado um feito! Obrigada mais uma vez pelo feedback, e não se desculpe por escrever muito. Quanto mais melhor, Va! ;o) Beijão!

Márcia, estou curiosa para ver o Ramsey! Ouvi dizer que ele é mesmo um casca grossa, mas deve fazer alguma coisa direito, para ganhar as tais três estrelas da Michelin... Obrigada pela dica! ;o) Beijos!

Silvia Arruda disse...

Cinara, realmente os dois programas não são espetaculares no quesito receita. Eu acho que, o que chama a atenção, são os apresentadores mesmo. Eu gosto da Nigella porque (não tenho certeza) ouvi falar que ela é jornalista (como eu hehe). O jamie é um rapaz bonitinho e eu gosto de ver homens cozinhando (como o Edu Guedes, na Record). Atualmente, eu tenho assistido ao programa TV Culinária, da Palmirinha Onofre, na TV Gazeta. Gosto das receitas, pq são simples. (odeio aquelas receitas complicadas afff)
Beijos

valentina disse...

Ci, volto de novo. Ele realmente arrasa na cozinha com gente preguicosa e que nao try hard enough. Ele diz que cozinha is no place for wimps. You have to toughen up. Tem very ,very high standards. Houve uma serie em que ele era enviado por (acho#) 2 semanas a um restaurante com problema.Ele tinha que sort it out. Turn it round dentro do prazo.E o cara eh fera, viu?!? passei a admira-lo. E os livros de cozinha que ele lancou por ultimo sao otimos.recomendo.

Cris disse...

Bom, eu gosto muito do Jamie. Acho que ele faz sucesso porque é bonitinho, faz receitas práticas e rápidas, o que dá a impressão de todos podem cozinhar, sem grandes problemas. Gostei de alguns programas especiais que ele fez sobre como mudar a merenda escolar inglesa, onde as crianças só queriam comer frituras e comidas processadas. Já a Nigella...Bom, essa eu não gosto mesmo!!! Li em algum lugar que ela congela o resto de vinho dos copos dos convidados. Aí já é demais para meus olhinhos!!!!
Acho que nossa melhor opção são os blogs mesmo. Aliás, fiz a receita de torta de maçã do seu blog e fez tanto sucesso que tive que repetir no fim-de-semana seguinte!!!!
Beijo grande,
Cris

Elvira disse...

Entendo o que quer dizer, querida Cinara. A Nigella lambe os dedos porque fica "sexy"... E o Jamie também se julga "sexy". Não são cozinheiros de verdade: são ícones mediáticos. Também existem dois assim em França: a Julie Andrieu e o Cyril Lignac. Não sabem cozinhar, mas têm sorrisos bonitos e sabem lidar com comunicação... :-(

Goretti disse...

A Nigela não conheço. O Jamie já vi um ou dois programas. Ainda agora foi lançado o livro dele cá em Portugal. Pensei em comprar. Folheei e não vi nada que justificasse o preço. Não comprei...

Cinara disse...

Silvia, a Nigella é jornalista, sim, e antes da TV escrevia colunas sobre gastronomia em jornais da Inglaterra. O Edu Guedes eu acho meio chocho, sabia? (Procurei "chocho" no Aurélio e essa palavra existe, acredita?) Obrigada pela dica do programa, vou conferir! ;o)

Valentina, welcome back! Você me deixou muito curiosa a respeito do Gordon Ramsey, amiga! Já vi que aqui passa às quintas-feiras, às 22h30. Está anotado no meu Palm, com alarme e tudo! Depois verei se encontro algum livro dele por aqui... Obrigada por contribuir com nossa discussão sadia! ;o)

Cris, jura que a Nojella congela o resto de vinho dos copos? Imagino até o motivo, mas é uma economia MUITO porca! Que bacana que você fez minha torta de maçã, e que todos gostaram! :o) Depois vou visitar seu blog, OK?

Elvira, é a supervalorização da imagem, amiga... O bom é que às vezes ela vem acompanhada de um bom conteúdo! Estou ansiosa por conferir algumas dicas de programas que me passaram aqui! ;o)

Goretti, ainda não tive a chance de folhear um livro do Jamie Oliver, sei que foram lançados dois aqui no Brasil. Eu não pretendo comprar mesmo, ainda mais porque os preços são bem salgadinhos... ;o)

Beijocas a todas!

Lu Campos disse...

Cinara,
Eu gosto muito da Nigella, principalmente dos programas novos, Forever Summer. O Nigella Bites era legal, mas as comidas eram realmente trash, gordurosas. Nesse novo, há muitas receitas de saladas, carnes grelhadas. E o melhor é que dão certo. Eu já fiz várias receitas só assintindo ao programa e tomando notas, depois comprei o livro. Mas os programas mostram mesmo as melhores. O que mais me agrada é o uso que ela faz de temperinhos diferentes e como ela mostra que cozinhar pode ser simples. Também curto a produção, a fotografia, o close que dão nos objetos... Já o Oliver, acho meio neurótico, parece que está sempre ligado em 220v. O aspecto dos pratos dele também não me agrada muito - principalmente se você assistir ao programa do Fish and Chips. Talvez valha a pena tentar assistir a esses programas mais uma vez, para tirar a prova... Beijos!

Maria Helena B. disse...

my 2 cents...

adooooro o Jamie Oliver!!! rs
Pela diversão, na maior parte, mas já fiz algumas receitas dele que deram certo e ficaram gostosas, e se alguem quiser, tenho 2 livros dele em inglês no PC...hehe...

beijocas

Fernanda disse...

Oi Cinara, nunca vi a nigella por isso não tenho opinião formada em relação à ela. Mas o Jamie é um cara batalhador que desde pequeno trabalha em restaurante para ajudar o pai, ele cresceu neste meio. Penso que ele faz sucesso (e com todo o mérito) por causa da sua imagem despojada, seu jeito prático e as vezes até trapalhão de cozinhar e também pelo fato de que em todos os programas ele dá sempre uma boa dica relativamente à truques, alimentos e temperos especiais, combinações interessantes. O que se deve admirar em Oliver é o percurso dele, é o decorrer da receita e não propriamente o produto final. Bom, já deu pra reparar que eu acho ele o máximo...aprendi muita coisa com ele. Um beijo.
P.S: Lunalestri, relamente, o Two Fat Ladies q passava no P&A era fantástico.

Cinara disse...

Lu, ainda não vi nenhum programa da temporada nova da Nigella. Pelo que você diz, ela ficou mais light! E a produção dela realmente é impecável. Vou dar uma olhadinha... ;o)

Maria Helena, o que você tem no computador são e-books do Jamie Oliver? E eles vêm como fotos e tudo? Interessante isso... Depois me conta onde você arrumou (ou comprou)!

Fernanda, você tem razão. Se o Jamie venceu através do próprio trabalho, temos que dar esse crédito a ele. Acho que não dei sorte com os programas dele que assisti... E se ele motiva as pessoas, é isso que importa! Obrigada pelo comentário e pela visita!

Beijinhos a todas!

lunalestrie disse...

Cinara, esse seu tópico demonstra que podíamos fazer um fórum de discussão bem legal só com as blogueiras de comida. :)

Cinara disse...

Lu, você tem razão! Eu fiquei super feliz com a participação de tantas colegas blogueiras! Pudemos conhecer pontos de vista diferentes e saber da experiência de cada uma em relação aos dois chefs em questão. Está sendo uma troca de idéias super enriquecedora! ;o) Beijão!

Anônimo disse...

oi, Cinara!
Sou leitora e admiradora do teu blog.Cheguei aqui pelo blog da Fer.
Aqui, na Alemanha, bastante famoso é o Tim Mälzer(www.tim-maelzer.de).
Caso te interesse, posso te enviar uma das revistas de receitas dele.
um abraco,
Claudia

Cinara disse...

Olá, Claudia! Muito obrigada pela visita e pelos elogios! Já entrei no site do Tim, e vi que ele é jovem também! Pena que não consegui ler nada, já que não falo alemão e não achei a opção "inglês"... Eu adoraria ver a revista de receitas dele, mas acho que só valeria a pena você me mandar se fosse em inglês. Se for em alemão, vou ficar babando e "boiando", não vou? :o) Mas é uma grande gentileza sua me oferecer a revista... Obrigada pelo carinho e volte sempre! Beijão...

Karen disse...

Acho que os dois têm um certo carisma. O Jamie só me decepcionou quando preparou "prato brasileiros" em um programa e serviu uma feijoada aguada e bolinhos de bacalhau feitos com Haddock defumado (segundo disse, ele não achou bacalhau). Fiquei pensando se os outros pratos típicos que ele prepara também seriam feitos assim... rs

Cinara disse...

Karen, esse programa do Jamie deve ter sido decepcionante mesmo! Nunca vi alguém fazer uma adaptação tão enorme em um prato típico. E desde quando bolinho de bacalhau é prato brasileiro?? Cada maluquice... :oD Beijos!

Cláudia disse...

E aquele cabelão da Nigella solto, eu já fico imaginando os fios dentro da panela de ensopado...

Cinara disse...

E se os dela caírem como os meus, Claudia, deve ficar uma verdadeira macarronada de cabelo... Eca! ;o)

Fabiana disse...

Eu gosto muito do Jamie Oliver, tenho até livros dele. E acho que o sucesso dele se deve mesmo a simpatia e a simplicidade de elaborar certos pratos. Eu já preparei algumas receitas dos livros e gostei muito. Já a Nigella, eu não vou muito com a cara dela, literalmente, mas até já tentei algumas receitas e ficaram boas.
Outro que conheci recentemente foi o Gordon Ramsay, do Hell's Kitchen. Ele pode ser estourado e tals, mas achei receitas muito boas dele na net. Acho que hoje a TV tá meio carente de bons programas de culinária, mesmo a TV fechada. Eu costumo assistir pela internet alguns mesmo. Aqui no Brasil um "The Food Netword" faz muita falta.

Cinara disse...

Oi, Fabiana! Obrigada por participar da nossa discussão! Eu mesma, depois de ler a opinião de todo mundo, decidi fazer uma receita da Nigella... E não é que deu certo? Depois vou publicar aqui. Vi em uma chamada da GNT que vai estrear um novo programa do Ramsey, você viu? Quero dar uma olhada! Se puder, me diga quais programas você vê pela internet! E você tem razão, precisávamos mesmo de um Food Network por aqui... Obrigada pela visita e volte sempre! ;o)

aninha disse...

Olá Cinara,
A Nigella eu nunca assisti. O Jamie eu até gosto de assistir, mais como entretenimento, ou para aprender alguns conceitos diferentes. Seus pratos são pouco adaptáveis ao meu paladar.
Gosto muito do chef Allan, da Rede Mulher, às 19 ou 19:30 h.
Bjú.

Cinara disse...

Aninha, você viu que meu post mais recente é uma receita da Nigella? Achei por acaso, e é ótima! Eu também gosto do chef Allan, mas nesse horário não consigo mais assistir. Ele é muito engraçado! :oD Beijos!

Eleonora disse...

Cinara,

NEm sei se voce lerá este comentário.
Mas ler sobre Jeff Smith deu-me uma saudade incrivel...aqui no Brasil a culinária teve duas eras.
A primeira com Ofélia Anunciato, que tem receitas maravilhosas e a segunda depois de Frugal Gourmet...muitos temperos e apetrejos culinários só vieram até nós pobres mortais a partir de J. Smith.
Obrigada por estas recordações.
Quanto aos dois Jamie e Nigela...Bom, o importante hoje em dia é ter um bom ascessor de imprensa, não é mesmo?!
Abraços

Cinara disse...

Eleonora, eu também me lembro da Ofélia, mas na época eu ainda não me interessava por cozinha. Sei que ela era ótima, foi uma pioneira dos programas culinários na TV brasileira! Já o Frugal Gourmet me ajudou em meus primeiros passos na cozinha, e eu aprendi muito com o Jeff Smith, ainda mais por ele ser americano e eu adorar as receitas de lá. Infelizmente, hoje acho que não temos ninguém à altura, por aqui.
Não assisto aos programas do Jamie ou na Nigella, mas tenho assistido ao "The F Word", do Gordon Ramsey. Acho o programa muito corrido, mas ele dá algumas dicas boas e é bem divertido. Para mim, só seria melhor se ele fosse americano! ;o)
Bjs e volte sempre!

Camila disse...

Bem eu assistia muito o programa que passava muuiiito antigamente no Eurochannel que era Coizinha do Carlos Agriñano (acho que é esta a grafia correta...) e adorava, cozinha espanhola do mediterrâneo, muito gostosa com muitas verduras e frutos do mar... Bom mesmo era o programa daquelas senhoras gorgdas que andavam de moto com sidecar... típica cozinha inglesa, gorturenta e substanciosa, mas muito legal o formato do programa... acho que foi daí que eles tiraram a idéia par ao porograma do Jamie, sempre um menu completo para uma visita.
Em Curitiba no antigo Canal 21 passava um programa muito bom do chef Celso Freire, dono do restaurante Boulevard, como faz dois anos que eu me mudei não sei se ainda passa.
Já o Jamie eu acho ele normal, acho que o fato dele ter começado jovem é que deu tanta visibilidade, um jovem chef... a Nigela eu realmente acho estranho aquele cabelão solto em cima dos pratos, até meu namorado que não repara muito nestas coisas achou meio nojento.
Mas em relação ao Fish and chips meu namorado falou que é assim mesmo que é tradicionalmente consumido na inglaterra, no jornal...

Cinara disse...

Camila, eu não conheço nenhum os três programas que você citou, mas fiquei muito curiosa, principalmente com o programa das senhoras gordas de moto! Será que ainda passa em algum canal? Vou procurar na internet! Quando ao fish & chips, eu achei a versão do Jamie muito engordurada, mas eu não comeria de qualquer jeito, porque não gosto de peixe... Obrigada pelo comentário e pelas dicas! ;o) Bjs!

cris disse...

Oi Cinara , já assisti o jamie , mas pelo pique dele ná cozinha do que pelo dom de cozinhar , porque o que ele ensina até meu filho de 5 anos é capaz de fazer, vc já viu o show que ele dá ? com um teatro lotado? ele ensina assar um frango é demais... a Nigella eu não consigo ficar 5 minutos assistindo , adorava o Jeff , gosto da martha , tenho muita saudades da Ofélia , do Benjamin Abrãao com seus pães incrivies , hoje em dia curto um poico o Olivier e a Palmirinha Onofre, e graças a Deus existe o seu blog.
Um abraço.

Cinara disse...

Cris, eu não chego nem aos pés desse pessoal todo que você citou, mas fico muito lisonjeada por você estar curtindo o meu blog! Atualmente não tenho assistido nada, por pura falta de tempo. Na quinta passada estreou um novo programa do Gordon Ramsey na GNT, mas eu não consegui ver. Talvez na próxima semana... Beijão para você!

Cupcake disse...

Oi Cinara, em primeiro lugar muito lindo e goxxxtoso teu blog! Conheci a pouco tempo, mas prometo visitá-lo sempre que possível. Até porque, isto será um delicioso prazer, hehehe.
Quanto ao Jamie & Nigella, ambos são bons, fazem uma cozinha despretensiosa, fácil, rápida, sem mitos, com alguns hábitos quetionáveis, concordo, mas só alguns. Fiquei boba com os comentários que li sobre a Nigella, me desculpe quem não gostar, mas muitas das críticas feitas a ela eram um tanto invejosas sim! Falam mal do "cabelão" solto, da cara "sexy", da comida "gordurosa", que ela é apenas "imagem + assessor de imprensa", que "ouviu dizer que...", sinceramente, só faltou dizer que não gosta dela pq é bonita, que só é boa quem é velha e feia. As pessoas acham que nas melhores cozinhas do mundo ninguém experimenta o molho na colher que mexe? Ou que fios, ainda que curtos, dos homens não caem na comida? Que chefs não labem os dedos? Acho que tem muita gente acreditando em Papai Noel! Se o Jamie come o sanduíche no jornal, em casa come quem gostar de tinta, hehehe. Ele apenas reproduziu algo "normal" no país dele. Imagina para esse povo comer com as mãos em um restaurante marroquino!!!
beijos

Cinara disse...

Olá, Cupcake! Gostei muito da sua contribuição a esta "discussão", viu? Você tem razão em tudo que diz, só não sei se alguém realmente deu a entender que criticou por inveja, porque não há como negar que os dois são lindos, não é mesmo? ;o) Muito obrigada pelos elogios e espero que você volte sempre! Bjs!

Rosana disse...

Cinara ..menina , vc bota pra quebrar nesse blog ein !!! AHAhahahah!! adorei !!!!!!!!!
bjocaas

Cinara disse...

Obrigada, Rosana! Como diz a Elvira (do Elvira's Bistrot), a vida é demasiado breve para comermos todo dia a mesma coisa... ;o) Beijão!

Anônimo disse...

Oi Cinara, gosto muito do seu blog, e tb não acho a Nigella uma super chef, ela apenas cozinha para os filhos e por isso, talvez, a idéia de um programa de televisão. Mas falar do Jamie acho um pouco sem fundamento. Alguma vez você já tentou fazer uma receita dele? Pois é, elas são ótimas e o mais bacana é que ele é criativo de verdade, ele inventa umas combinações que dão muito certo e o que mais me faz acreditar neste chef é que ele começou com 17 anos de idade, acho que isso conta bastante. Quando ele faz receitas conhecidas como fish and chips, acho que é para aquelas pessoas que não gostam muito de cozinhar ou apenas porque ele quer mostrar a comida local. Mas a facilidade que ele tem para fazer pratos saborosos e sofisticados é grande. Tente fazer alguma receita e depois falamos ok?
Bj, Mariana.

Cinara disse...

Oi, Mariana! Fico feliz em saber que você gosta do Cinara's Place! Como você deve ter percebido, eu escrevi este post há mais de 3 anos, e deixei claro no texto que ainda não conhecia os dois direito. Hoje posso afirmar que gosto das receitas de ambos: já fiz várias receitas de cada um deles, e descobri que o Jamie é realmente muito criativo, faz coisas deliciosas e dá ótimas dicas em seus programas! Curiosamente, não publiquei aqui nenhuma das receitas dele que eu fiz... Acho que pensei que não iriam agradar aos meus leitores. Quem sabe um dia não publico uma?
Beijos e uma ótima semana para você!

Bárbara Coelho disse...

Nunca experimentei nenhuma receita do Jamie, mas da Nigella já, e todas ficaram ótimas, nunca me decepcionei. A receita de Chilli com carne dela é perfeita, assim como a de cupcakes (quando eu faço é o maior sucesso). Outra receita dela que virou parte do meu cotidiano é o Go Get 'em Smoothie, um tipo de vitamina rápida pra quem não tem tempo pra tomar café da manhã (vale a pena dar uma olhada http://www.foodnetwork.com/recipes/nigella-lawson/go-get-em-smoothie-recipe/index.html).

Cinara disse...

Obrigada pelo comentário e pela dica do smoothie, Bárbara! Vou conferir com certeza! ;o)